Google Data Studio – Conheça a ferramenta gratuita de visualização de dados
Análise de dados

30 de março de 2022

Última atualização: 08 de maio de 2023

Google Data Studio – Conheça a ferramenta gratuita de visualização de dados

A princípio, o Google Data Studio tem ganhado lugar em entrevistas de emprego e em solicitações de empresas que buscam modernizar sua visualização de dados. É simples, elegante e grátis: o site do google data studio é uma ferramenta gratuita. 

O programa compete próximo a soluções de dashboards como Power BI e Tableau sem abrir mão de características típicas de um produto Google. Entenda um pouco mais sobre essa ferramenta e adicione ela ao seu repertório de análise e visualização de dados.

O que é o Google Data Studio?

O Google Data Studio é uma ferramenta de visualização de dados e criação de relatórios desenvolvida pelo Google. Ela permite que você transforme dados brutos de várias fontes, como Google Analytics, Google Sheets, BigQuery e muitos outros serviços, em painéis e relatórios interativos e atraentes. O objetivo principal do Google Data Studio é facilitar a compreensão e a análise de dados, ajudando a tomar decisões informadas com base nas informações apresentadas.

Além disso, ele permite a criação de relatórios personalizados, como por exemplo, com a possibilidade de utilizar outras fontes de dados para conseguir uma visão mais completa.

Como utilizar o Google Data Studio?

Portanto, graças ao seu baixo custo, o Google Data Studio é a ferramenta mais usada em processos seletivos voltados para análise de dados, com recrutadores disponibilizando arquivos CSV e pedindo análises. E dessa forma, como todo software, ele possui uma curva de aprendizado, além de funções “sêniores” que podem destacar um profissional na área de dados, campo com maior procura por profissionais hoje.

Curso Data Studio FM2S

Um curso de Google DataStudio é um investimento, pois capacita um profissional para atuar com um formato de visualização de dados de baixo custo para empresas, multiplicando o ganho na função. 

Quais são as vantagens do Google Data Studio?

O Google Data Studio oferece várias vantagens para seus usuários. Algumas das principais vantagens incluem:

  • Integração com outras ferramentas do Google: se integra facilmente com outras soluções do Google, como Google Analytics, Google Ads, Google Sheets e BigQuery, permitindo uma análise de dados mais eficiente e unificada;
  • Conectividade com diversas fontes de dados: além das ferramentas do Google, o Data Studio também suporta conexões com várias outras fontes de dados de terceiros, o que aumenta sua versatilidade e capacidade de atender às necessidades específicas dos usuários;
  • Interface intuitiva e fácil de usar: a interface do usuário do Google Data Studio é projetada para ser amigável e fácil de navegar, mesmo para usuários sem experiência prévia em visualização de dados ou criação de relatórios;
  • Personalização e design flexível: oferece uma ampla variedade de opções de personalização, permitindo que você crie relatórios e painéis adaptados às suas necessidades e preferências estéticas;
  • Colaboração em tempo real: a capacidade de colaborar simultaneamente em relatórios com colegas de equipe facilita o trabalho em conjunto e acelera o processo de tomada de decisão;
  • Compartilhamento e publicação fácil: com o Google Data Studio, você pode compartilhar facilmente seus relatórios e painéis com outras pessoas, seja por meio de um link direto, por e-mail ou incorporando-os em um site ou aplicativo;
  • Ferramenta gratuita: o fato de ser uma ferramenta gratuita a torna acessível a uma ampla gama de usuários, desde profissionais independentes e pequenas empresas até grandes corporações;
  • Atualizações automáticas: os relatórios e painéis criados no Data Studio são atualizados automaticamente à medida que novos dados são disponibilizados, ajudando a garantir que suas análises e decisões sejam sempre baseadas nas informações mais recentes.

Quanto custa o Google Data Studio?

O Google Data Studio é gratuito. No entanto, alguns recursos podem requerer o uso de uma conta do Google Workspace (anteriormente conhecido como G Suite). Os preços variam de acordo com o plano escolhido.

Os preços do Google Workspace variam de acordo com o plano escolhido. Os planos incluem:

  • Basic: $6/usuário/mês
  • Business: $12/usuário/mês
  • Enterprise: preço varia com base nas necessidades específicas da empresa

Os planos incluem recursos como e-mail personalizado com o domínio da empresa, armazenamento de arquivos na nuvem, ferramentas de colaboração e segurança avançada. É importante notar que estes preços são sujeitos a mudanças e podem variar de acordo com a região.

O que é origem de dados no Google Data Studio?

Uma origem de dados no Google Data Studio é uma conexão entre a ferramenta e uma base de dados externa que fornece informações para serem visualizadas e analisadas nos relatórios e painéis do Data Studio. Em outras palavras, uma origem de dados é a ponte entre os dados brutos armazenados em uma plataforma específica e a apresentação visual dos mesmos no Google Data Studio.

O Google Data Studio suporta uma ampla variedade de origens de dados, tanto do Google quanto de terceiros, incluindo:

  1. Google Analytics: fornece dados sobre o tráfego e o comportamento do usuário em um site;
  2. Google Ads: apresenta informações sobre campanhas publicitárias e desempenho de anúncios;
  3. Google Sheets: permite a importação de dados de planilhas do Google;
  4. BigQuery: conecta-se a conjuntos de dados armazenados no armazenamento de dados do Google Cloud.
  5. Bases de dados SQL, como MySQL, PostgreSQL e SQL Server;
  6. Outras ferramentas de análise e marketing, como Facebook Ads, Salesforce, HubSpot e muitas outras, por meio de conectores de terceiros.

Para usar uma origem de dados no Google Data Studio, é necessário configurar a conexão entre a ferramenta e a plataforma onde os dados estão armazenados. Isso geralmente envolve autenticação com a conta associada à fonte de dados e seleção dos conjuntos de dados ou tabelas específicas a serem usadas no relatório do Data Studio. Uma vez que a conexão é estabelecida, os usuários podem criar visualizações e relatórios usando os dados da origem de dados selecionada.

Integração com plataformas com Data Studio

Uma das principais vantagens do Google Data Studio é a sua capacidade de atuar como integradora de diferentes plataformas e origem de dados. Além de que usar o google data studio é gratuito.

Dado o escopo e a relevância que a empresa possui na internet, ela consegue que muitas bases de dados sejam pré-projetadas para se integrarem aos seus serviços. Com isso, se torna capaz de permitir uma visualização que cruze dados trazendo ainda mais insights para uma companhia.

Serviços Google

Claro, sendo parte do pacote de produtos e soluções digitais da Google, a plataforma também integra qualquer serviço da empresa: planilhas do docs, Google Analytics, Google Ads, mas também serviços de computação em nuvem como Big Query, operado com a linguagem SQL.

Outros serviços de dados

Além das soluções próprias ao grupo Google, outras empresas também buscam a integração com a plataforma, tornando seus dados mais competitivos com baixa complexidade. É o caso da Meta, que realizou uma integração com suas plataformas, e mesmo a Amazon, que é concorrente em computação em nuvem com a Google.

Outras empresas que realizam essa integração, com conectores próprios que você pode baixar na própria loja do Google, são:

  • Microsoft;
  • IBM;
  • Ebay;
  • Uol;
  • Adobe;
  • Ahrefs;
  • AppleStore;
  • Bing;
  • JSON;
  • LinkedIn;
  • TikTok;
  • Twitter;
  • WooComerce;
  • Yahoo.

Especificidade técnica do Google Data Studio

O Google DataStudio possui uma especificidade técnica que é sua interface de fácil acesso e sua conexão com serviços em nuvem. Ambas as soluções potencializam o uso dos dashboards da plataforma que possuem uma atualização em tempo real – velocidade superior à de suas concorrentes. Entenda um pouco melhor sobre esses detalhes:

Serviços em Nuvem

Uma vez que usa o poder de computação em nuvem da Google, o Data Studio consegue gerar atualizações simultâneas e permitir uma visão em tempo real para todos aqueles com acesso aos dashboards criados. Além disso, ele permite a exportação de dados filtrados para operação em outras planilhas ou apresentações de resultados.

Dados de estoque

Existe uma tendência de ver o Google Data Studio como uma ferramenta voltada para o marketing digital– embora seja excelente para análise de dados, é muito mais do que isso. E uma de suas soluções é, por exemplo, controle de estoque.

Conectando via Big Query uma base empresarial de estoque de produtos e os resultados do departamento de vendas é possível acompanhar quando níveis de estoque ficam acima ou abaixo do ideal. Além disso, é possível disparar ações e gatilhos caso alguns desses parâmetros sejam rompidos para uma tomada de decisão mais ágil e assertiva.

Vantagens do Google Data Studio

Além de pertencer ao Google e possuir todas as vantagens competitivas que listamos, o Data Studio consegue ganhar o carinho de desenvolvedores e analistas por outras características. Um amplo repertório da comunidade, uma linguagem simplificada, a redução de custos e uma interface designer friendly são fatores que motivam a adoção da plataforma em grandes empresas.

Repertório da comunidade

Por seguir uma linha similar ao Android, que valoriza as produções abertas e da comunidade, o repertório de dashboards prontos e visões customizadas é uma das mais amplas da rede. Então esses modelos permitem criar, sem nenhum conhecimento de design, para desenvolver grandes visões e apresentações de dados de alto impacto para as equipes.

Qual a linguagem do Google Data Studio?

O Google Data Studio em si não é uma linguagem de programação, mas sim uma ferramenta de visualização de dados baseada na web. No entanto, ele utiliza várias linguagens de programação e tecnologias web para fornecer suas funcionalidades e recursos, como HTML, CSS e JavaScript, para criar e renderizar elementos de interface do usuário, gráficos e painéis.

Além disso, para criar fórmulas e calcular métricas personalizadas, o Google Data Studio usa sua própria linguagem de fórmula chamada "Data Studio Expression Language" ou "Data Studio Functions". Essa linguagem permite aos usuários criar métricas e dimensões personalizadas, utilizando funções e operadores matemáticos, condicionais e de texto, para transformar e combinar dados de diferentes fontes. Essa linguagem é específica da ferramenta e é projetada para ser simples e fácil de usar, mesmo para aqueles que não têm experiência em programação.

Redução de custos

Essa é uma facilidade que conquista profissionais de pequenas, médias e grandes empresas: o baixo custo. Sem necessidade de licença e sem funções pagas, o DataStudio permite alavancar os resultados com visualização de dados sem gastar mais por isso.

Acesso gratuito e compartilhamento

Da mesma forma que o acesso é gratuito, o compartilhamento também não possui nenhuma cobrança. Os projetos no Google DataStudio podem ser desenvolvidos a quatro ou seis mãos, dependendo da maturidade de dados da equipe que estiver operando, é só clicar em adicionar. 

Além disso, o acesso também é dado via link, sem a necessidade de publicação do dashboard.

Interface designer friendly

A interface de geração de gráficos, adaptação de cores e alinhamento de informações também é pensado para o design de não designers. Isso significa que a experiência do usuário é otimizada para que pessoas com baixa qualificação em visualização de dados também possam montar apresentações de alto impacto.

Leia Mais:

Victor Gabry

Victor Gabry

Grad. em Jornalismo na UFF (Universidade Federal Fluminense), pesquisador em desinformação e credibilidade, analista de redes sociais e nerd em tempo integral. Na FM2S, atua na produção de conteúdo.