assessment
Estruturação de equipes

16 de outubro de 2023

Assessment: O que é, tipos e como aplicar

Em um mundo movido pela busca constante de crescimento e aprimoramento, avaliar suas habilidades e competências se tornou uma prática fundamental. 

Se você busca evoluir em sua carreira, aprimorar suas habilidades pessoais ou apenas entender melhor seu potencial, os Assessments (avaliações) desempenham um papel crucial. 

Veja neste artigo o que são Assessments, como eles funcionam e por que eles são tão importantes em seu desenvolvimento pessoal e profissional.

O que são Assessments?

Assessment, do inglês "avaliação", é um processo fundamental para a análise, mensuração e melhoria de desempenho em diferentes contextos. 

Seja no campo educacional, empresarial ou até mesmo na área da saúde, o Assessment desempenha um papel crucial para avaliar o conhecimento, habilidades e competências de indivíduos, equipes ou organizações. 

O Assessment, em sua essência, é um processo sistemático de coleta, análise e interpretação de dados com o objetivo de avaliar o desempenho atual ou potencial de um indivíduo, grupo ou organização. 

Ele fornece informações críticas que podem orientar decisões, aprimorar o desenvolvimento de competências e apoiar o planejamento estratégico.

ebook soft skills

Para que serve o Assessment?

O Assessment, no âmbito profissional, desempenha um papel crucial na identificação e desenvolvimento de competências, avaliação de desempenho e tomada de decisões estratégicas nas organizações. 

Trata-se de um processo sistemático e criterioso que visa avaliar as habilidades, conhecimentos e aptidões dos colaboradores, proporcionando informações valiosas para o aprimoramento individual e a gestão de recursos humanos. 

O Assessment no ambiente profissional tem múltiplos propósitos, incluindo:

  • Seleção de Pessoal: Utilizado para identificar candidatos com as qualificações necessárias para preencher vagas específicas. Isso é feito por meio de testes de aptidão, entrevistas e avaliações de currículo.
  • Desenvolvimento de Competências: Ajuda a identificar lacunas de competências individuais e coletivas, permitindo que a organização crie programas de treinamento e desenvolvimento personalizados.
  • Avaliação de Desempenho: Facilita a análise do desempenho de funcionários, fornecendo uma base objetiva para reconhecimento, feedback e tomada de decisões sobre promoções, aumentos de salário ou demissões.
  • Suporte à Tomada de Decisão: Auxilia os gestores na escolha de estratégias, alocação de recursos e planejamento de sucessão com base em dados sólidos sobre as capacidades da equipe.

E quais são os tipos de Assessment?

Sim, existem tipos de Assessment, cada um com um objetivo específico. Por isso, você deve entender quais são os tipos, para poder escolher quais serão mais adequados para suas necessidades ou da sua empresa.

Para te ajudar a escolher, separamos os Assessment mais comuns, confira:

Assessment de Competências

O Assessment de competências é uma ferramenta essencial na identificação e avaliação das habilidades específicas de um indivíduo. 

Isso envolve uma análise detalhada das competências técnicas e comportamentais necessárias para um cargo ou função. Através de testes, entrevistas, observações e análise de desempenho, é possível determinar se um candidato ou colaborador possui as competências necessárias para desempenhar eficazmente suas responsabilidades.

Assessment de Personalidade

O Assessment de personalidade se concentra na avaliação das características psicológicas de um indivíduo que podem influenciar seu desempenho e ajuste em um ambiente de trabalho. 

Testes de personalidade, como o Myers-Briggs Type Indicator (MBTI) ou o Big Five, são comuns nesse tipo de avaliação. 

Eles auxiliam na compreensão de traços como extroversão, abertura para experiências, conscienciosidade e outros, fornecendo informações valiosas para a tomada de decisões de recrutamento, formação de equipes e desenvolvimento de liderança.

Assessment de Desempenho

O Assessment de desempenho é uma prática que avalia o trabalho e as realizações de um colaborador em relação às metas e padrões estabelecidos pela organização. 

Isso envolve revisões regulares do desempenho, feedback construtivo e a identificação de áreas de melhoria. 

O objetivo é alinhar o desempenho individual com os objetivos organizacionais, fornecendo oportunidades para melhorias contínuas e reconhecimento de realizações.

Assessment de Potencial de Liderança

A identificação e desenvolvimento de líderes é uma preocupação crítica para muitas organizações. 

O Assessment de potencial de liderança avalia as habilidades e traços que podem prever a capacidade de uma pessoa de liderar com sucesso. 

Isso inclui a avaliação de habilidades de comunicação, tomada de decisões, habilidades interpessoais e visão estratégica. 

Com base nos resultados, as organizações podem investir no desenvolvimento de líderes internos ou identificar candidatos externos para posições de liderança.

Assessment de Avaliação 360 Graus

O Assessment de avaliação 360 graus é uma técnica que envolve a coleta de feedback de várias fontes, incluindo supervisores, colegas, subordinados e o próprio avaliado. 

Esse método fornece uma visão abrangente do desempenho e do comportamento de um indivíduo a partir de múltiplas perspectivas. 

Isso é especialmente útil para identificar discrepâncias entre a autoavaliação e a percepção dos outros, bem como para identificar áreas de melhoria.

Como aplicar o Assessment na sua empresa?

Agora que você conhece os tipos de Assessment e já sabe qual irá aplicar na sua empresa, chegamos na parte de aplicação.

Fizemos para você um passo a passo para executar da melhor maneira, confira:

Passo 1: Definição de Objetivos

O primeiro passo na aplicação do Assessment é definir claramente os objetivos da avaliação. 

Isso inclui determinar o propósito da avaliação, como recrutamento, promoção ou desenvolvimento, e identificar as competências e traços que você deseja avaliar. 

Os objetivos estabelecidos orientarão todo o processo.

Passo 2: Seleção das Ferramentas de Assessment

Com base nos objetivos definidos, é necessário selecionar as ferramentas de Assessment apropriadas. Isso pode incluir testes de habilidades técnicas, questionários de personalidade, entrevistas estruturadas e avaliações de desempenho. 

A escolha das ferramentas deve ser baseada nas necessidades específicas do Assessment.

Passo 3: Coleta de Dados

A coleta de dados é uma fase crítica do Assessment. Dependendo das ferramentas escolhidas, isso pode envolver a administração de testes, a realização de entrevistas ou a coleta de feedback de várias fontes. É importante garantir que a coleta de dados seja imparcial, consistente e bem documentada.

Passo 4: Análise e Avaliação dos Resultados

Uma vez que os dados são coletados, é hora de analisar e avaliar os resultados. Isso pode incluir a comparação dos resultados individuais com critérios predefinidos, a identificação de áreas de força e fraqueza e a interpretação dos dados de acordo com os objetivos do Assessment.

Passo 5: Feedback e Comunicação

Os resultados do Assessment devem ser comunicados aos indivíduos avaliados de maneira construtiva e respeitosa. 

feedback deve destacar áreas de melhoria, bem como pontos fortes, e fornecer orientação sobre como os resultados podem ser aplicados no desenvolvimento profissional. A comunicação eficaz é essencial para garantir que os avaliados compreendam os resultados e estejam motivados a agir.

Passo 6: Tomada de Decisões e Ações Subsequentes

Com base nos resultados do Assessment, as organizações devem tomar decisões informadas. 

Isso pode incluir a seleção de candidatos para posições específicas, o desenvolvimento de planos de desenvolvimento individual ou a identificação de ações corretivas para melhorar o desempenho. 

As decisões devem ser alinhadas com os objetivos iniciais do Assessment.

Passo 7: Avaliação Contínua e Ajustes

O Assessment não é um processo único; é uma prática contínua. 

É importante avaliar regularmente o impacto das decisões tomadas com base nos resultados do Assessment e fazer ajustes conforme necessário. 

Isso garante que o Assessment seja uma ferramenta dinâmica e eficaz na gestão de talentos.

Que ferramentas usar ao aplicar o Assessment?

A aplicação de Assessment em empresas exige a seleção cuidadosa de ferramentas e metodologias apropriadas para atender aos objetivos organizacionais. 

Abaixo, apresentamos de forma detalhada as principais ferramentas e metodologias com suas funcionalidades na aplicação de Assessment:

1. Testes Psicométricos

Os testes psicométricos são usados para medir características psicológicas dos indivíduos, como personalidade, habilidades cognitivas, inteligência emocional e valores. 

Um exemplo comum é o Big Five Personality Assessment, que avalia traços de personalidade, como extroversão, abertura para experiências, conscienciosidade, amabilidade e estabilidade emocional.

2. Entrevistas Estruturadas

As entrevistas estruturadas envolvem um conjunto de perguntas padronizadas e predefinidas que são feitas a todos os candidatos. 

Essa abordagem garante uma avaliação consistente e imparcial dos candidatos. As respostas são avaliadas com base em critérios específicos, permitindo uma comparação objetiva.

3. Avaliação 360 Graus

Nessa metodologia, informações são coletadas de várias fontes, incluindo supervisores, colegas, subordinados e autoavaliação. 

Os dados coletados fornecem uma visão holística do desempenho e comportamento do indivíduo. As respostas são agregadas para identificar áreas de força e fraqueza.

4. Testes de Habilidades Técnicas

Esses testes avaliam habilidades técnicas específicas relacionadas ao cargo ou função. Isso pode incluir testes práticos, simulações ou questionários. 

Por exemplo, em TI, pode ser aplicado um teste de programação para avaliar as habilidades de codificação de um candidato.

5. Simulações de Trabalho

As simulações de trabalho criam cenários do mundo real em que os candidatos executam tarefas relacionadas ao cargo. Isso permite avaliar as habilidades práticas e a tomada de decisões sob pressão. 

É particularmente útil para funções que exigem habilidades práticas, como gerentes de produção ou operadores de máquinas.

6. Assessment Centers

Os Assessment centers são exercícios de grupo que simulam situações de trabalho. Os candidatos enfrentam desafios como estudos de caso, dinâmicas de grupo e apresentações. 

Avaliadores observam o comportamento dos candidatos e atribuem pontuações com base nas competências demonstradas.

7. Avaliação de Competências Comportamentais

A avaliação de competências comportamentais identifica as competências comportamentais necessárias para um cargo e avalia a capacidade do indivíduo de demonstrar essas competências. 

Isso pode ser feito por meio de escalas de classificação ou questionários.

8. Testes de Conhecimento e Habilidades Gerais

Esses testes avaliam o conhecimento e as habilidades gerais do candidato que não estão diretamente relacionados ao cargo. 

Por exemplo, um teste de proficiência em matemática pode ser aplicado para avaliar as habilidades matemáticas de um candidato, independentemente do cargo.

9. Feedback 360 Personalizado

Além da avaliação 360 graus, o feedback 360 personalizado envolve o desenvolvimento de um plano de ação individual para o indivíduo com base nos resultados da avaliação. 

Isso pode incluir metas de desenvolvimento, treinamento e recursos para melhorias específicas.

10. Inteligência Artificial e Análise de Dados

A IA e a análise de dados estão sendo cada vez mais utilizadas para avaliar grandes volumes de dados e identificar padrões. Isso ajuda na identificação de tendências de desempenho, lacunas de competências e sugestões de desenvolvimento.

Os Assessments desempenham um papel crucial em nosso desenvolvimento pessoal e profissional, fornecendo insights valiosos sobre quem somos e como podemos crescer. 

Seja para uma avaliação de competências no trabalho, para entender melhor sua personalidade ou para se preparar para um novo desafio, essas ferramentas são essenciais em um mundo que valoriza o aprendizado contínuo e o crescimento pessoal. 

Portanto, não subestime o poder dos Assessments na busca por seu pleno potencial.

Leia Mais:

Alexandre Queiroz

Alexandre Queiroz

Alexandre Mazzini, aluno da UNICAMP em Tec. Controle Ambiental. Especialização em Mídias Sociais e SEO, atua no setor de marketing da FM2S como redator para conteúdo web e analista SEO para blogs.